jusbrasil.com.br
30 de Março de 2020

Mapeando o Terror: Caso PF

Como um ataque terrorista foi subsidiado por agente públicos federais

Cultzone Law Digital Office, Estudante de Direito
há 5 meses

Há 120 horas nosso LawOffice está sobre intensos ataques terroristas e pasmem senhores, são oriundos de uma associação criminosa não só com agentes ocultos terroristas, mas também com apoio da Polícia Federal Brasileira!

Estamos recuperando nosso servidor desde os ataques de sexta-feira de madrugada e o que tem ocorrido é todas as empresas tem sido sabotadas, tem sido eliminadas e fraudadas as comunicações telemáticas com intuito de impedir a comunicação o social violando o ART da CF.

Constituição esta que tem sido parte de agenda internacional para exterminá-la, pois concede muitos direitos e logo será substituída por uma mais dark, que contemplará os interesses de quem está financiando o terrorismo internacional no BR.

Não sendo suficiente o caso Japonês da Federal, que pedindo propina para ocultar questão ligadas à Op.Sucuri, mesmo recebendo altos dividendos na casa dos $22mil, precisava ainda completar "o leitinho das crianças" com altas gorduras de propinas para manter sua margem...

Terá sido aquele caso em que o policial em questão foi apenas o tal do Boi de Piranha, em que foi sacrificado apenas para manter a imagem da instituição incólume enquanto que continuam a praticar o fora-da-lei, ou melhor dizendo acima-da-lei?

E o mais importante para o serviço público é a transparência dos gastos, que não podem ser mostrados diretamente pela PF, mas que pelo menos deveria ter menos ingerências de certos grupos políticos que se apoderam da instituição e começam a caçar os seus adversários. A ADPF tem batido nesta tecla, mas não tem interesse em transparência, pois muita gente séria vai pedir o fechamento do oŕgão se algo vier à público...

Será então necessário abrir a caixa-preta da PF pela constituição de 1988 e fazer uma devassa na organização para que o público possa saber tudo que acontece dentro de maravilhosa máquina de fabricar dossíers e demolição de reputações. CPI já vimos que não resolve nada, né!

0 Comentários

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)